Castelo de Karlstein na República Tcheca

O Castelo de Karlštejn é um grande castelo gótico fundado em 1348 por Carlos IV, Sacro Imperador Romano eleito e Rei da Boêmia.

O castelo serviu como um local para guardar as Regalias Imperiais, bem como as joias da coroa da Boêmia, relíquias sagradas e outros tesouros reais.

Ele está localizado a cerca de 30 quilômetros (19 milhas) a sudoeste de Praga (Praha), no distrito de Beroun, na região da Boêmia Central, acima da cidade mercantil de mesmo nome.

Fundado em 1348, sua construção foi concluída quase vinte anos depois, em 1365, quando o "coração" do tesouro - a Capela da Santa Cruz situada na Grande Torre - estava consagrada.

Em 1422, durante o cerco ao castelo, os atacantes hussitas usaram guerra biológica quando o príncipe Sigismund Korybut usou catapultas para atirar corpos mortos (mas não infectados pela peste) e 2.000 cargas de esterco sobre as paredes, aparentemente conseguindo disseminar infecção entre os defensores.

Depois de ter sido conquistado em 1648 pelos suecos, caiu em ruínas. Finalmente, uma reconstrução neogótica foi realizada por Josef Mocker entre 1887 e 1899, dando ao castelo o seu aspecto atual.

A Torre do Poço, sendo a peça central logística sem a qual o castelo não poderia funcionar, foi a primeira parte do castelo a ser construída. Os mineiros foram trazidos da cidade mineira de Kutná Hora , no entanto, a água não foi encontrada, mesmo depois que a profundidade do poço era de 70 metros (230 pés), bem abaixo do nível do vizinho rio Berounka. Um canal subterrâneo foi, portanto, escavado para trazer água de um riacho próximo, produzindo uma coluna de água de 25 metros (82 pés), o suficiente para durar vários meses. O reservatório teve que ser reabastecido manualmente cerca de duas vezes por ano, abrindo uma comporta. Considerando a significativa fraqueza estratégica incorrida no castelo pela falta de uma fonte de água independente, a existência do canal subterrâneo era um segredo de estado conhecido apenas pelo próprio imperador e pela burguesia. As únicas outras pessoas que sabiam da sua existência foram os mineiros, que no entanto foram todos supostamente mortos a caminho do castelo após a construção.

Karlštejn é um dos castelos mais famosos e visitados da República Tcheca. Em 2019 era o 5º castelo mais visitado, com mais de 200.000 visitantes por ano.

Na próxima página são abordados alguns aspectos arquitetônicos do castelo.

Fonte do Texto

(Resumido e adaptado da Wikipédia em inglês, para o português do Brasil.)


Próxima (89)     Anterior (87)

Índice


Fonte da Imagem

Imagem de Veronika Pouzarová por Pixabay.


Direitos Reservados

Pesquisa, seleção e edição
por Euro Oscar.



Buscar no Site

Home